terça-feira, 24 de julho de 2007

EDITORIAL


“Há escolas que são gaiolas
e há escolas que são asas.
Escolas gaiolas prendem.
Escolas asas fazem voar.”
Rubem Alves

Como nos disse Rubem Alves, “um professor deve ser um mestre de vôo...” e nós, professoras/alunas do Curso de Formação Continuada em Mídias na Educação, na qualidade de comandantes de vôo, convidamos você leitor a embarcar nesta viagem de sonhos. O destino da viagem é um “local” onde seja desenvolvido um ensino prazeroso, criativo, gratificante...
Em nossa primeira escala poderemos encontrar um ambiente fechado, retrógrado e cheio de compartimentos, onde não se acredita em inovação, no qual não poderemos desembarcar...
Continuaremos a viagem até encontrar um ambiente aberto e receptivo ao novo, ...lugar este, onde se crê que o ser humano deixa de viver plenamente quando abandona seus sonhos...
Nesse lugar acredita-se que nunca somos velhos demais para aprender e as pessoas estão prontas para interagir com novas idéias, novos hábitos, novos materiais e informações diversas.
...Somos permitidos a desembarcar de nossa nave, a expor nossas idéias... e...ao final da conversa... o comentário geral:
- Mas é só mais um jornal? Isso não é inovador! O jornal existe há séculos.
Nos é dada a oportunidade de defesa:
- Sabemos que um jornal não é uma novidade, mas estamos falando de um Jornal Integrado de Escolas, no qual os alunos, professores, pais e comunidade em geral, poderão ter seus trabalhos publicados. Um jornal que será planejado, organizado e montado através da internet, visto que as escolas envolvidas encontram-se a aproximadamente 150km uma da outra, ...que pode servir de experiência para distâncias ainda maiores.
Nele serão abordados temas relacionados à preservação do meio ambiente, ou quem sabe, em outras oportunidades, assuntos diversos. Mas também serão divulgadas as atividades desenvolvidas nas duas escolas, ou talvez, em mais escolas...
O mais importante é que através dele muitos tomarão conhecimento dos trabalhos que nossos alunos podem produzir como parceiros de criação de seus professores, provando que o novo (computador e internet) pode conviver com o velho (jornal impresso), estimulando a livre expressão de cada um sob sua forma de aprender o mundo.
... Após alguns minutos de silêncio,... os mais curiosos e dispostos a refletir sobre sua prática, embarcam e tomam seus assentos.
As comissárias de bordo informam:
- Passageiros, apertem seus cintos e apreciem a paisagem. Boa viagem (leitura)!
Carmem Angela Corrêa Araujo
Professora/aluna do Curso de Mídias na Educação

Um comentário:

Zenaide disse...

Parabéns Carminha pelo blog. Sei o pouco tempo que tivestes para conhecer o assunto "blog" e como usar esta ferramenta, mas para quem te conhece um pouquinho sabe que nenhum esforço é demasiado; sempre achas tempo e boa vontade para aprender mais!
Aprendestes tanto que fizestes outros! É isto aí! Nas próximas etapas do curso já sabemos que novidades aparecerão.
Estarei aguardando!! beijos